terça-feira, junho 25, 2024

Policiais Civis de todo Brasil reivindicam Aposentadoria Policial justa e Pensão Digna para seus Familiares

Must Read

As ações foram desencadeadas pela Diretoria Executiva da COBRAPOL e conta com o envolvimento e comprometimento efetivo da Feipol-CON que tem auxiliado em suas responsabilidades dentro do planejamento traçado pelas entidades filiadas à Confederação. “Nossa Federação tem se empenhado para dar ampla notoriedade social e política aos nossos pleitos concernentes à aposentadoria policial. O que buscamos é justiça e dignidade e creio que as manifestações, sejam em mídias sociais ou mesmo as que iremos realizar nas ruas e nos “corredores” do Congresso Nacional trarão resultados que nunca tivemos, mas, para isso, precisamos do empenho pessoal de cada policial civil do Brasil”, conclamou Marcilene Lucena, Presidente da Feipol-CON.

Os estados do Tocantins e Mato Grosso do Sul reuniram centenas de policiais e fizeram seu protesto de frente a suas respectivas Assembleias Legislativas. Em Palmas, alguns deputados estaduais se manifestaram no plenário da ALETO quanto ao pleito dos policiais civis e se comprometeram em atuar em prol da categoria quanto as possíveis mudanças estaduais que devem ser encaminhadas pelo governo estadual. “Aos policiais civis do nosso estado, os meus cumprimentos a todos vocês. E dizer a vocês: Logo após a Reforma da Previdência chegar a essa casa iremos fazer justiça com todas as categorias e servidores de nosso estado. Vocês podem ter certeza que não vamos votar nada à toque de caixa. Iremos discutir, iremos ver o que é bom para o estado e o que é bom para os servidores de nosso estado e todas as categorias”, comprometeu-se o Presidente da ALETO, Antonio Andrade, durante sessão da Casa Legislativa estadual.

A repercussão do ato foi muito boa, outros parlamentares também se pronunciaram: “Temos que tratar o tema com muita responsabilidade, sem tratar o servidor público como um vilão. Quero pedir que possamos ouvir todos os seguimentos todas os sindicatos, não ignorar as sugestões. (…) Entendemos o que é necessário para o estados, mas que possamos o quanto menos sangrar o servidor público. Eu estou a disposição dos sindicatos, das entidades representativas. Meu gabinete vai estar aberto, mas nós deputados precisamos receber a todos”, defendeu o Deputado Léo Barbosa do Solidariedade.

Na próxima semana, líderes sindicais de todo o país estarão em Brasília buscando o convencimento de deputados federais na aprovação das emendas que serão propostas ao texto da PEC 133/19, aprovada e encaminhada pelo Senado Federal. Além disso, uma ação de doação de sangue está prevista para o dia 19 de fevereiro e manifestações em Brasília estão no cronograma das atividades. “Precisamos intensificar todas as ações deliberadas e acredito que podemos reverter essa amargar situação atual e promover justiça na aposentadoria dos policiais e uma pensão digna para seus familiares”, finalizou Marcilene.

- Advertisement -spot_img

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -spot_img
Latest News

Presidente da FEIPOL-CON fecha semanas de agendas em Brasília com reunião com o Presidente da Comissão de Segurança Pública da Câmara Federal

As duas últimas semanas foram marcadas por intensas agendas da Presidente da FEIPOL-CON, Marcilene Lucena, no Congresso Nacional. Além...
- Advertisement -spot_img

More Articles Like This

- Advertisement -spot_img